10 Dicas Para Melhorar o Processo de Checkout de Sua Loja Online

Posts recentes

10 Dicas Para Melhorar o Processo de Checkout de Sua Loja Online

Você já foi a uma loja local ou uma boutique de luxo, olhou itens que gostaria de comprar, escaneou o código de barras na presença de um funcionário, para verificar o preço, e se desculpou dizendo que voltaria para comprar mais tarde ou outro dia? Todos sabemos que você acabou não voltando, e deixou aquela loja com um sentimento de culpa perante um vendedor que você nunca mais vai ver na vida.

Compradores online fazem isso o tempo todo (tirando a parte da culpa) e têm motivos para tal. Eles visitam lojas online, através de catálogos para encontrar produtos do momento, ler avaliações feitas por compradores e comprar preços entre lojas diferentes. Para alguns varejistas de sucesso, esse tipo de rotina para um comprador online termina com o checkout e dinheiro retirado da conta do comprador.

De acordo com o estudo do Baymard Institute sobre as estatísticas de abandono no e-commerce, a média da taxa de abandono de carrinho em 2018 foram expressivos 75,6%. Isso significa que mais da metade dos visitantes nunca se transformou em clientes compradores, deixando a experiência de compra incompleta. Abaixo, o infográfico ilustra as taxas de abandono de carrinho em 2018 divididos por indústria, como varejo, moda, viagem, sem fins-lucrativos e finanças:

moda,viajem,juegos

Fonte: SaleCycle Blog

Pode-se assumir, quando já tiver um e-commerce estabelecido, que você investiu uma boa quantidade de tempo e dinheiro para criar sua loja online, pesquisou horas e horas o mercado, otimizou mecanismos de busca para ser visto nas primeiras páginas do Google ou Bing e tenha contratado os melhores especialistas em marketing digital para garantir que seus produtos ou serviços vendam loucamente.

As razões para uma experiência de compra tão incompleta são numerosas: más avaliações de compradores anteriores insatisfeitos, preços altos injustificáveis, interface complicada e não intuitiva, produtos de baixa qualidade, só pra citar alguns. Um estudo quantitativo realizado recentemente sobre usabilidade do checkout, comandada pelo Baymard Institute, sugere que 58,6% dos compradores online não passaram por nenhum checkout, afirmando estavam apenas navegando e nenhum pouco prontos para comprar. Entretanto, se retirarmos esse segmento daqueles apenas navegando, teremos a seguinte distribuição de motivos para abandonar um carrinho:

statisticas

Fonte: businessinsider.in

A maior parte das justificativas supracitadas envolve problemas minoritários e majoritários relativos ao processo de checkout, possíveis de se eliminar, com algum esforço definitivamente válido. Vamos analisar uma lista com pistas para lhe ajudar a elaborar um processo de checkout que seja um prazer a seus clientes.

1. Simplicidade

“Simplicidade é última sofisticação” é uma das coisas Leonardo da Vinci estava convencido. E a boa notícia é que isso se emprega a qualquer esfera da vida. Aceitar gastar dinheiro é uma tarefa difícil muitas vezes, então se assegure que seus clientes passarão por certas etapas quando pagando por um produto que já foi colocado no carrinho. O ponto aqui é fazê-lo tão simples que qualquer um, seja seu bebê ou sua avó, possa completar a compra sem muitos problemas. A Amazon, por exemplo, adicionou a opção de encomenda em um clique, tornando o processo de compra bizarramente fácil para clientes.

sistema de recomendaciion

Fonte: amazon.com

Porém, essa simplicidade tem seus lados negativos. De acordo com a The Atlantic, Amazon teve que devolver mais de $70 milhões em compras feitas por crianças através de aplicativos, sem o consentimento de seus pais, entre Novembro de 2011 e Maio de 2016.

2. Melhore seus formulários

Vamos assumir que você já tenha feito toda as obrigações para conseguir compradores em potencial para visitar sua loja online. Eles terão que passar por um processo longo e cansativo para escolher o melhor produto/serviço disponível. A última coisa que querem é enfrentar um formulário com muitas páginas a serem feitas e campos a serem preenchidos. Evite pedir mais informação que o necessário para ter o pagamento feito. Seja o mais minimalista possível e seus clientes lhe amarão.

3. Adicione múltiplas opções de pagamento

A segunda coisa que seus clientes mais amam, depois da simplicidade, é poder escolher. Adicione pelo menos três opções de pagamento para seus clientes escolherem. Considerando as oportunidades ilimitadas oferecidas pelo e-commerce de se comprar em qualquer lugar, é imperativo dar a seus clientes alguns métodos de pagamento para escolherem aquele que melhor atende suas necessidades. Dependendo do tipo de setor, pode ser uma boa ideia considerar as criptomoedas como Bitcoin, junto do pagamento em dinheiro tradicional, a fim de se manter competitivo na era digital de constantes oportunidades.

4. Adicione uma caixa código de desconto

Oferecer produtos ou serviços de alta qualidade por um preço justo, é uma coisa. Fazer seu cliente se sentir privilegiado ao receber uma oferta especial, é outra. Baseando-se nos dados coletados e analisados pela invespro.com, por volta de 62% das compradoras online mulheres prestam atenção a descontos e promoções, comparadas a 57% de compradores online masculinos.

rebajo box

Fonte: theukdomain.uk

  • 54% dos compradores comprarão produtos deixados nos carrinhos de compra se aqueles produtos forem oferecidos a um preço menor que o original.
  • Quase dois-terços dos consumidores envolvidos na pesquisa admitiram que uma promoção ou cupom muitas vezes decidiram o negócio quando estavam em dúvidas de realizarem uma compra
  • 30,6% de usuárias de internet femininas usam descontos e cupons frequentemente para compras do dia-a-dia, incluindo compra digital e jantares em restaurantes, comparadas a 16,8% dos usuários masculinos.
  • Mais de 70% de usuários de internet nos EUA afirmam que descontos têm o maior efeito em suas decisões de compra durante as festas de fim de ano.
  • 83% dos entrevistados disseram que “provavelmente” ou “muito provavelmente” clicarão em um anúncio oferecendo desconto ou promoção.

Esperamos que todos esses dados sejam mais que suficientes para lhe motivar a adicionar uma caixa código de desconto em seu site.

5. Opção de checkout para visitantes

Todos já vivenciaram a preguiça em criar uma conta para uma compra alguma vez na vida. Ao manter esse ponto em mente, varejistas online simplificaram o processo de checkout, adicionando uma opção de checkout para visitantes. É uma mão-na-roda para preguiçosos e apressados. Destacando que evita barreiras, como a exigência aos compradores de fornecerem informações em excesso sobre si.

A pesquisa da Sale Cycle averiguou que 23% dos clientes abandonaram seus carrinhos porque o processo de checkout demandava muita informação e tempo. Implementando uma opção de checkout para visitantes, varejistas dão aos compradores a chance de avançarem com a compra, inserindo apenas endereço de email.

Do outro lado, ter um registro apresenta vantagens também, já que clientes não são obrigados, nesse caso, a inserir seus emails durante compras repetidamente. Ofereça sempre a opção de inscrição visivelmente, depois da compra ter sido completada através da opção checkout para visitante.

O exemplo apresentado abaixo é da John Lewis e nos oferece um processo de checkout simplificado sem nem inserir seu endereço de email e criar uma conta nem usar detalhes de uma conta existente.

checkout de seguridad

Fonte: theukdomain.uk

Resumindo, com a ajuda da opção para checkout de visitante, compradores online evitam barreiras de preencher muita informação e aproveitarem logo sua compra.

6. Entrar com cadastro das redes sociais

Outra dica útil para melhorar sua loja online é providenciar a possibilidade de entrar com o cadastro das redes sociais durante o checkout. As estruturas do cérebro humano só capacitam o usuário a se lembrar de apenas algumas senhas, e felizmente as das redes sociais normalmente as escolhidas. Ao adicionar o botão social na página de checkout, você estará simplificando todo o processo.

online store

Fonte: optimonk.com

Considerando que a maior parte dos usuários de redes sociais estão logados, é uma questão de segundos até verificar suas identidades e suavemente passar até o final do pagamento. Como resultado, você ganhará clientes registrados que não foram obrigados a preencher nenhuma informação.

7. Otimize para mobile

Tendo tantos consumidores armados com smartphones por aí, a otimização para mobile é opção obrigatória para lojas online. Mobile Payment World estimou que o número de compradores mobile consistirá 56% da população consumidora em 2020. Não é surpresa que o número esteja crescendo, mas varejistas online tem muito a ajustar.

Às vezes, usuários mobile encontram obstáculos durante o processo de checkout, o que não é nada bom para a primeira impressão de uma loja online. Vamos ver os erros mais comuns que compradores mobile nunca aceitarão:

  • Botões cruciais difíceis de clicar
  • Formulários de checkout datados
  • Checkout terrivelmente demorado
  • Chamadas de checkout sem foco

Por consequência, consertar esse tipo de erros otimizará sua loja online para mobile, aumentando a satisfação do cliente.

8. Mostre o preço final antes do checkout

Uma das coisas mais odiadas no e-commerce são os preços escondidos. Pessoas nunca confiarão e não serão leais a um site que muda inesperadamente o total de preços numa compra, durante o último passo. Portanto, é melhor você deixar o preço final bem claro antes do processo de checkout para evitar um feedback negativo do cliente.

express checkout

Fonte: optimonk.com

Complementando, ao mostrar o valor total da encomenda ao cliente antes de clicar no botão de pagamento, aumenta-se a chance dele voltar e adicionar algo mais no carrinho. Faltar transparência e apresentar uma política de preço nenhum pouco clara causa confusão a clientes em potencial.

9. Recomende produtos relevantes na página de checkout

Checkout é uma grande chance para recomendar produtos relevantes para os clientes. Há uma parcela que acredita na opinião de que clientes estão em euforia durante o checkout, abrindo a oportunidade perfeita para vender em conjunto ao cliente. Ou seja, ao usar um estado mental oportuno, você pode convencê-lo a comprar mais. Adicionando um desconto bem pensando, você irá obter clientes prontos para comprar mais!

Em adição, criar recompensas para os clientes nesse estágio, oferecendo produtos baratos ou promoções, é sempre uma boa ideia. Um processo de checkout intuitivo e educado é garantia de taxas de conversão mais altas e clientes retornando. Do outro lado, esteja atento para não forçar a barra nas vendas em conjunto, haja vista que sua meta principal no processo de checkout é ter a encomenda concretizada e não perder clientes à toa.

10. Otimize erros e conserte-os

Finalmente, chegamos no estágio de erro de otimização. Há ferramentas de teste que não são caras e lhe permitem detectar, arrumar um erro relacionado ao processo de checkout. Há até mesmo uma opção para convidar amigos e família a experimentarem o site e darem um retorno sobre possíveis falhas e defeitos.

Outra ferramenta gratuita e super útil é o Google Analytics. Ele lhe permite identificar a área problemática durante o checkout. Um número de usuários abandonando durante o checkout aumentando é sinal que alguma questão deve ser solucionada.

Isso tudo se refere a possíveis falhas e problemas que podem evitar que o cliente compre. Consertando problemas similares você escala sua loja online ao próximo patamar, melhorando as taxas de conversão de seu site.

Conclusão

Tomando atitudes planejadas de acordo com essas dicas você mudará progressivamente o processo de checkout de sua loja online.

Qualquer cliente sairia de sua loja feliz e satisfeito se encontrassem um site simples de navegar, com múltiplas opções de pagamentos, descontos e promoções. Tenha os usuários de mobile sempre em mente, além de outro fator essencial: tornar o processo de checkout fácil.

Não precisamos nem mencionar que os mecanismos de recomendação desempenham um papel crucial também. Todos nós curtimos uma abordagem individual, seja online ou em um estabelecimento tradicional. Com o uso até mesmo do mais simples mecanismo de recomendação, você mostrará a seus clientes que se importa com suas necessidades e desejos.

Com essas dicas em prática, você mudará todo o cenário de seu site, melhorando taxas de conversão e gerando mais vendas.

Solicite uma demonstração da ferramenta