Sistemas de recomendação foram criados para providenciar experiência e serviço superiores aos compradores online. Um mecanismo de recomendação de comércio eletrônico é a tecnologia de inteligência artificial que transformou o cenário do varejo online tanto para compradores como vendedores. O valor agregado ao setor do comércio eletrônico é simplesmente tremendo. A maior ideia por trás de um sistema é criar a plataforma de recomendação que entregará uma experiência mais agradável ao cliente. Ao mesmo tempo, o gerador de recomendação assegura a impulsão de vendas e taxas de conversão mais altas.  Uma boa taxa de conversão é um grande indicador que seus usuários apreciam a experiência de compra em seu site. Manter o acompanhamento de sua taxa de conversão é vital para qualquer negócio de sucesso.

Por que a Taxa de Conversão é tão importante no Comércio Eletrônico?

Refere-se a taxa de conversão qualquer ação desejada que foi tomada pelos visitantes de seu site, de acordo com o seu interesse. Ela acaba por medir o que acontece quando as pessoas navegam pelo seu site. Uma taxa de conversão baixa indica que você está fazendo algo de errado, haja vista que as pessoas não estão tomando as decisões que você deseja. Uma taxa de conversão alta, em contraste, mostra que seus esforços frutificaram e que mais receita está sendo gerada. Em uma breve definição, a taxa de conversão é um indicador de sua performance enquanto negócio. Por isso, medir sua taxa de conversão é extremamente importante.

Ao contrário da opinião popular, a taxa de conversão não está relacionada exclusivamente com vendas. As métricas de conversão são configuradas individualmente por você, em seu comércio eletrônico. Conversões podem ser quaisquer indicadores chaves de desempenho (KPIs) que importam para seu site. Considere os seguintes exemplos de KPI:

  • Realizar compra em uma loja online
  • Registrar-se no site
  • Providenciar qualquer informação pessoal, como detalhes de cartão de crédito, e deixar o site armazenar a informação
  • Inscrever-se nas newsletters
  • Ter uma assinatura, tanto gratuita quanto paga
  • Baixar qualquer trial do bem em questão, que inclinará o comprador a prosseguir no funil de vendas
  • Começar a usar um aplicativo que foi baixado
  • Passar um período de tempo específico no site
  • Retornar ao site para uma ação específica, por exemplo, finalizar uma compra ou buscar algo novo

Basicamente, tudo que pode ser mensurado é um potencial KPI de conversão para seu comércio eletrônico. Acompanhar esses KPIs ajudará seu comércio eletrônico a manter-se relevante e bem sucedido. Com o objetivo de ter uma boa taxa de conversão, a primeira coisa a considerar para seu site é a configuração de um sistema de recomendação.

Experiência Superior para o Cliente

Um mecanismo de recomendação coleta e analisa dados para cada usuário de seu site, individualmente. Baseado nesses dados, a plataforma de recomendação é gerada usuários individuais. Pessoas que clicam em produtos recomendados visitam muito mais páginas e ficam mais tempo no site. Mas aqueles que não o fazem, normalmente acabam visitando apenas uma página de um produto, em específico. Sendo assim, com a ajuda das recomendações de produto, as pessoas passam mais tempo no seu site. Se tendem a passar mais tempo, então muito provavelmente estão aproveitando a experiência. Tal experiência possui maiores chances de resultar em venda ou qualquer outra ação desejada. Por consequência, taxas de conversão aumentam também.

Recomendação para ecommerce

Atrair novos clientes é importante, mas manter os já existentes é completamente outro processo. Embora empresas gastem dinheiro em marketing de retenção, a retenção de clientes é cinco vezes mais efetiva que aquisição de novos clientes. Se o visitante retorna com frequência a seus site, é um indicador que ele/ela apreciam o serviço providenciado em seu site. Apenas ao assegurar um atendimento ao cliente de alto nível, seu comércio eletrônico será capaz de manter os compradores sempre voltando. De tal forma que uma das metas mais importantes dos sistemas de recomendação em comércios eletrônicos é garantir uma excelente experiência ao consumidor. Um bom atendimento ao cliente assegura altas taxas de retenção, maior engajamento e aumento significativo de satisfação. Tudo isso se traduz em maiores resultados de negócio e maiores taxas de conversão para seus KPIs definidos.

Personalização: a chave para Aumentar Conversões

Prover aos seus clientes exatamente o que eles querem é um dos focos primordiais que se deve ter quando almeja-se taxas de conversão altas. Os sistemas de recomendação optimizam o conteúdo disponível no site, adaptando às preferências de um usuário em específico. Optimizar o conteúdo do site resultará em vendas maiores, aumentando a taxa de conversão. Quando você mostra ao comprador que você sabe exatamente o que ele quer, ocorre uma impulsão dos níveis de engajamento de seu cliente com seu site.

Recomendações de produto personalizadas analisam as compras passadas e itens recentemente vistos pelos compradores. Levam também em consideração aqueles itens cuja busca já foi feita pelo usuário, em algum momento. Ao coletar esses dados, sistemas de recomendação analisam toda a informação e começam a gerar sugestões relevantes. Seu site precisa recolher muitas pistas sobre o usuário, de forma a ser hábil a criar recomendações individuais como estas.

Se não há informação suficiente para realizar recomendações altamente pessoais, os sistemas de recomendação ainda serão capazes de gerar recomendações. Nesse caso, eles comparariam os dados de pesquisa de um usuário com outros usuários que possuem preferências similares, ao passo que fazem sugestões baseadas justamente nas semelhanças. Recomendações podem ser altamente personalizadas, o que não dizer que esta é a única melhor opção em cada situação. Há muito mais nos sistemas de recomendação que apenas personalização. Entretanto, uma real personalização não pode ser conquistada sem trabalhar propriamente com sistemas de recomendação. Qualquer recomendação de produto personalizada é sempre incrementada por um sistema de recomendação. Para aumentar a taxa de conversão em seu comércio online, é mais que necessário utilizar recomendações de produto personalizadas. A impulsão da taxa de conversão é um dos muitos benefícios diretos advindos da personalização.

Recomendação para ecommerce

Aumento de Vendas e Valor Médio de Encomendas com Personalização

Mecanismo de recomendação de produto direciona vendas tanto para vendas adicionais quanto cruzadas, no comércio eletrônico. Continua a fazer sugestões para engajar o usuário com o conteúdo ainda mais e, talvez, ajudar a encontrar o produto que ele ou ela procura. Por agora, 35% da receita da Amazon é gerada por mecanismos de recomendação. Além disso, 75% do que é assistido na Netflix vêm de recomendações de seu sistema. Estatísticas não mentem. Uma plataforma de recomendação no comércio eletrônico está, de fato, direcionando um aumento de vendas substancial.

Com a ajuda de um sistema de recomendação, a experiência de compra em um comércio eletrônico transformou-se. Os estabelecimentos tradicionais possuem uma séria vantagem acima dos vendedores online. Eles possuem vendedores solícitos, prontos para auxiliar qualquer comprador, na sua busca por encontrar o desejado. Em primeiro lugar, varejistas online precisaram batalhar para achar uma forma que compensasse tal desvantagem. Agora, com a ajuda das janelas de conversa online (chatbots) e sistemas de recomendação de produto personalizados, os comércios eletrônicos se tornaram o canal de compra favorito dos consumidores.

Apenas uma ferramenta inteligente pode rearrumar uma loja inteira, para encontrar um único produto que se enquadra no gosto de um comprador em específico. Um vendedor em um estabelecimento tradicional é fisicamente incapaz de fazê-lo. Uma recomendação visual pode ser útil aos compradores com ofertas personalizadas. Isso resulta em vendas maiores, menor abandono de carrinhos de compra, taxas de conversão impulsionadas, melhores KPIs em geral, como taxa de rejeição, tempo passado no site e compartilhamentos.

Tipos de Recomendações que deveriam ser Ativados

Recomendações que aparecem durante uma compra são diferentes porque foram geradas por algoritmos diferentes. Recomendações de produto não devem ser, obrigatoriamente, personalizadas a fim de engajar.

Recomendação na Página do Produto

  1. Compradores que viram/compraram isso…” – essa tecnologia trabalhar ao identificar semelhanças entre as preferências de compra desses usuários. A lógica por trás do algoritmo é analisar quão frequente dois produtos estiveram juntos em compras ou em navegações anteriores. Um exemplo de tal recomendação é ”pessoas que viram este item também se interessaram por este”
  1. Produtos Similares – o Sistema de recomendação aproveita apenas uma única categria e combina com os metadados, como preço ou título de um produto. Combinando esses dados, o mecanismo de recomendação é capaz de desenvolver sugestões relevantes baseadas na marca ou cor.
  2. Recomendações Personalizadas – o Sistema funciona ao analisar todos os itens que foram recentemente visualizados pelo comprador. Ao considerar os resultados de pesquisa mais recentes do usuário, as recomendações são mais precisas do que nunca

Recomendações na Página Principal

  1. Produtos Populares – a mais básica, entretanto mais efetiva, estratégia de recomendação funciona bem na maioria dos comércios eletrônicos. Um mecanismo de recomendação inteligente considerará também outros dados como contagem de visualização, eventos de adição ao carrinho e cliques. Conseguir o item correto na página do produto é extremamente importante, ainda mais se respaldados na regra de Pareto, amplamente estudada em marketing: 80% das vendas de produto são originárias de 20% dos produtos.
  1. Produtos com alta avaliação – Avliações positivas e retorno são também indicadores de popularidade. De acordo com a pesquisa feita por BrightLocal, 88% dos usuários confiam em avaliações online tanto quanto em recomendações pessoais. Avaliações afetam acintosamente nas decisões de compra.
  2. Sugestões personalizadas – essas recomendações podem variar de usuário a usuário. Os algoritmos mostram apenas recomendações individuais, baseadas nas ações prévias de um usuário, em específico

Recomendação de produtos

Recomendações no Carrinho

  1. Frequentemente comprados juntos – a principal razão da maioria dos sites ter uma página destinada ao carrinho de compras é justamente para poder expor recomendações. Essa tecnologia é algo extremamente eficaz.
  1. Versões recentes e Acessórios – A logica que acompanha essa técnica é oferecer ao usuário acessórios para os itens que constam no carrinho de compras. Além disso, ao analisar compras passadas do cliente, o sistema de recomendação também providenciará recomendações que são upgrades – versões recentes e melhores – dos produtos que a pessoa já possui.

Conclusão

Sistemas de recomendação são a força motriz que direcionam as melhorias de vendas no mercado do comércio eletrônico. Estão por gerar grandes resultados aos negócios, promovendo maior engajamento, satisfação e retenção de clientes. Ativar mecanismos de recomendação ajudará os compradores a receberem sugestões sob medida, enquanto aperfeiçoam e melhoram taxas de conversão da loja.

Compartilhar: